Por que eu escolhi fazer enfermagem?

Olá pessoal, pra recomeçar o meu blog, agora com outro foco, vou relatar aqui os motivos que me fizeram escolher a área da saúde, mais especificamente a enfermagem.

Pra quem não me conhece eu sou o Diego Rodrigues, sou casado, tenho 26 anos e atualmente sou analista de sistemas sênior em uma multinacional de telecomunicações. Desde que comecei trabalhar sempre estive envolvido com informática, comecei como telemarketing em uma escola de informática, como sempre gostei muito e tinha enorme facilidade de aprender e ensinar fui promovido para instrutor auxiliar e logo após instrutor titular da escola. Ministrei aulas em 3 escolas de informática e depois decidi que precisava ganhar mais dinheiro, e comecei a estudar programação e logo eu consegui emprego na área. Eu gosto muito de programar, porém com o passar do tempo comecei a questionar algumas coisas, em relação a minha carreira.

Comecei a reparar que por mais esforço que eu fizesse ou quanto mais eu me dedicasse, eu não recebia reconhecimento, porém ao menor erro era imediatamente questionado. Com o passar do tempo essas cobranças e a falta de reconhecimento começou a prejudicar meu bem estar físico e mental. Após inúmeras crises de Tendinite e de início de depressão, eu reconheci que não era verdadeiramente feliz profissionalmente, apesar de gostar muito. Percebi que eu sinto falta de ver o meu trabalho reconhecido, de fazer algo que realmente fizesse a diferença pra alguém, algo que compensasse todas as dificuldades. Decidi então procurar outra área para trabalhar.

Eu precisava escolher algo que atendesse os requisitos que citei acima e que também pudesse tirar o meu sustento. Logo de cara eu pensei em fazer Medicina Veterinária, porém o valor alto das mensalidades da faculdade e o baixo salário de veterinários recém formados me fizeram descartar, pensei também em estudar História e dar aulas em escolas, mas desisti pois conversei com professores da minha família e percebi que também seria algo tão estressante quanto programação.

Depois de analisar vários cursos, eu comecei a pensar, por que não fazer enfermagem? Era uma profissão em que, diretamente meu trabalho iria fazer a diferença na vida de alguém, eu veria os resultados do meu esforço na recuperação dos pacientes e mesmo que de vez em quando, ouvir um muito obrigado, ou ganhar uma simples lembrança de um paciente que recebeu alta iria recompensar todo o esforço, a Enfermagem é uma área extremamente abrangente, que possui diversas opções de atuação, depois da educação é a área mais carente de bons profissionais e a média salarial é maior que as outras profissões que eu analisei.

Minha esposa é Técnica de enfermagem, quando ela fazia o curso eu sempre a ajudei a estudar e com isso aprendi muita coisa, todo dia que ela chega do trabalho nós conversamos sobre como foi o plantão e sobre os pacientes que ela cuidou. Descobri que eu também gosto muito dessa área da saúde e me interesso sobre o assunto.

Foi assim que eu escolhi fazer enfermagem, em Agosto de 2014 fiz minha matricula na faculdade, e até a data de publicação deste texto já fiz um semestre e estou no começo do segundo, e o que eu posso dizer até agora é que com certeza acertei na escolha.